Muito além da roupa suja

Nova York – Do aeroporto para o hotel

Um negócio que eu sempre vejo o povo perguntando em fóruns e caixas de comentários por aí é sobre transfer do aeroporto até o hotel. Isso em qualquer cidade, mas acho que as milhares de opções de NY acabam deixando a galera especialmente confusa. Por isso, decidi compartilhar aqui, a minha experiência com transfer privado.

Da primeira vez que estive em NY, fomos só minha mãe e eu, com duas malas cada uma. A minha ideia inicial era pegar um táxi, porque seria impossível a logística de transporte público com tantas malas e também porque queríamos ir direto para o hotel. Quando você contrata um daqueles mini-ônibus, shuttles compartilhados, corre o risco de seu hotel ser a última parada do caminho, aí pode demorar bastante.
Então eu tinha decidido no táxi, mas não estava segura, por causa da quantidade de malas. Como eram peças grandes, eu sabia que não caberiam num sedan normal, e não tinha idéia se era possível pegar um daqueles veículos maiores. Resolvi desembolsar um pouquinho a mais pela minha tranquilidade.

Acontece que, se você for pesquisar os preços com as empresas de brasileiros (que foram as primeiras opções que me apareceram), vai cair pra trás com os preços extraorbitantes. O trajeto com o tipo de carro que eu queria dificilmente sairia por menos de 100 Obamas!
Aí vem mais uma das vantagens de começar o planejamento das férias com antecedência, enquanto eu ruminava sobre o transfer, uma amiga experimentou a Carmel Limo e gostou. Ela pegou a recomendação com uma sei-lá-o-quê dela, que mora em NY e disse que é uma empresa que os locais costumam contratar. Depois eu vi que a empresa também é recomendada, junto com algumas outras, no meu guia do Frommer’s. Como isso me passou batido?

Segui a dica e contratei uma mini-van com eles. O valor ficou em 60 Obamas, mais gorjeta (uns 15%). Não teve pedágio no nosso caminho mas, caso tivesse, o valor também é pago à parte.
Enfim, o carro era enorme (tipo Grand Caravan), coube nós e as malas com muita folga! Tanto que, este ano, usamos o mesmo tipo de carro para 3 pessoas e 7 (mil) malas.
Você pode fazer a reserva pelo site ou telefone e, chegando no aeroporto, entra em contato com eles passando o número da reserva (nº do seu telefone) e descrevendo suas roupas. O atendente vai te explicar onde você deve esperar o carro. Aí é só confiar que ele logo chega, com o seu nome escrito no vidro. Acho que o único ponto negativo é essa questão do telefone, acaba não universalizando totalmente a dica, já que a pessoa precisa ter pelo menos um inglês básico para passar as informações pelo telefone.
De resto, só elogios: motoristas sempre foram educados comigo, pontuais, carros em ótimo estado e o preço máster competitivo. Se você for alugar um sedan normal, sai praticamente o mesmo preço do táxi!

 

Vai para Nova York? Pesquise no Booking mais de 800 opções de hospedagem na região!

 

10 Respostas para Nova York – Do aeroporto para o hotel

Deixe um Comentário