Muito além da roupa suja

Câmbio pela internet

Passando aqui pra deixar uma dica rápida pra vocês, sobre como fazer câmbio pela internet!

Eu sou uma pessoa que morre de preguiça de ficar indo em mil lugares pra resolver uma coisinha aqui e outra ali; running errands, como dizem em inglês. Odeio. Então, sempre que possível, faço tudo pela internet ou telefone!
Foi em 2011 que eu acrescentei o “comprar moeda estrangeira” na lista de coisas que eu faço à distância. A maioria das casas de câmbio oferecem esse serviço de alguma maneira, então vale ligar pra se informar dos detalhes.

Meu primeiro contato com esse tipo de serviço foi na Cotação, do Banco Rendimento. Eu tinha ligado para me informar da cotação e acabei fechando tudo por telefone mesmo. Comprei papel moeda e um VTM (meu primeiro). A atendente me passou o valor e os dados da conta para eu fazer o depósito (dependendo do banco e do valor, você faz DOC ou TED). Acho que foi na mesma ligação que eu já agendei a entrega, no meu escritório. Foi ótimo, até as notas de dólar vieram em valores pequenos, como eu tinha pedido.

Das outras vezes que usei o cartão da Cotação, fiz tudo pelo site, tanto a recarga do cartão, quanto a compra de papel moeda. Eles ligam para confirmar a transação e o dinheiro cai no VTM pouco tempo depois do pagamento. Para as verdinhas foi o mesmo esquema de vir um cara me entregar no escritório.

Em novembro do ano passado, a Cotação não tava muito a fim de pechinchar comigo e consegui um câmbio bom na Confidence. Pechincha a gente faz por telefone, né? Então esse esquema inicial foi o mesmo de quando emiti o primeiro VTM. As duas únicas diferenças foram o valor (DUH!) e o homem que veio me entregar o cartão e o dinheiro. Ele usava um terno todo engomado, me senti A Mafiosa.
O VTM de Euro comprei pela Confidence também (gente, o câmbio deles pela internet é TÃO amigo), mas dessa vez pedi pra imprimir meu nome no cartão, então fui buscar na loja mesmo. Para as compras na internet, a Confidence usa o pagamento por boleto bancário então, dependendo do seu limite, você precisa ir na agência pagar.

O que eu acho mais legal é fazer TUDO pelo site! Compra de cartão, regarga, comprar papel moeda… Isso facilita muito a vida, porque acho sempre muito demorado ir na casa de câmbio resolver tudo. Fora a praticidade caso você queira fazer uma recarga durante a viagem!

 

Política de Tranparência: Este post não é patrocinado (Até porque falei de DUAS empresas, né?).

 

4 Respostas para Câmbio pela internet

  1. Oi, Monica! Bacana sua ideia de fazer um post sobre este assunto!

    Eu também faço toda a negociação por telefone. Já comprei pela Confidence, mas só entregavam a partir de determinado valor (não lembro mais qual era) e cobraram taxa de entrega.

    Nas experiências que vc teve, também pagou taxa?

    Não sabia que dava para negociar preço em lojas de câmbio… Valeu a dica! 😉

    Abração

    • Oi, Laura! Dá pra negociar, sim! Aqui em casa a gente costuma colocar uma contra a outra até conseguir o melhor preço!
      Eu não lembro quais taxas eu paguei pela entrega, mas lembro q não era tão alto. Sempre pedi mais de mil, então tem essa variação tbm. Sei q na ultima recarga teve uma taxa de administração de 1,50.
      Abs

Deixe um Comentário