Muito além da roupa suja

Tag Archives: cinema

Los Angeles – Paramount e Warner Studios

Como cinéfila absurda que sou, vocês imaginem o quão ansiosa eu estava para visitar muitos estúdios em Hollywood!
Já que não teria tantos dias assim na cidade (fiquei uma semana), escolhi os dois que me pareceram mais interessantes: Warner e Paramount, e ainda resolvi fazer um tour atrás do outro. Foi um dia super imerso na indústria do cinema!

IMG_3513

 

Decidindo

Resolvi não visitar Sony e nem Universal. O tour da Sony nunca ouvi ninguém dizer que é legal e, pelas informações que eu coletei por aí, não é tão focado em cinema. O meu foco era cinema. Não fui na Universal porque o tour deles que me interessava custava mais de duzentos dólares! No tour normal você nem desce do carrinho. Como minha única razão para ir lá era o tour, acabei achando que não valeria a pena. Isso foi há mais de três meses e ainda não me arrependi.
Lembrem-se de que não quero que vocês façam tudo como eu (ai, tantos fãs…rs), mas procuro fornecer o meu racional de decisão pra cada um avaliar se aplica ou não.

 

Tutorial

Comprei meus ingressos pela internet, no site próprio de cada estúdio (links abaixo) e paguei com cartão de crédito. Peguei a opção de tour mais simples em ambos. Comprei na véspera e tive muita opção de horário mas, caso você vá em alta temporada, talvez valha a pena reservar com mais antecedência. Não precisei imprimir nada, basta chegar com antecedência (15, 20 minutos) no local e retirar o ticket apresentando documento com foto (no meu caso, passaporte). Fiz os dois no mesmo dia, mas um de manhã e outro à tarde. Deixei umas três horas de intervalo entre cada um, pra ter tempo de almoçar e enfrentar o trânsito. Foi tranquilo.

20121128_093256

 

Paramount

Os estúdios da Paramount são os únicos que ainda ficam realmente em Hollywood. Todos os outros já mudaram para as cidades vizinhas, como Burbank e Culver City. Pelo que eu entendi, a Paramount não tem produzido tantos filmes próprios ultimamente, tem mais alugado seus lotes para a produção de filmes e de muitos seriados.

A vida é como uma caixa de chocolates, eu só espero não pegar o bombom Caribe!
A vida é como uma caixa de chocolates… eu só espero não pegar o bombom Caribe!

O tour é bem diferente do que tem na Warner, é um pouco mais aula teórica, contando histórias do passado. Mas nem por isso foi menos interessante. Aliás, achei excelente a dinâmica lá na Paramount, pois os guias tem um iPad e, depois que eles contam pra você sobre alguma técnica ou alguma cena que foi gravada em tal lugar, eles usam o tablet para te mostrar a cena. Isso é fantástico, porque a gente nunca lembra de checar depois que chega em casa.

Esse é o beco do famoso beijo de ponta cabeça do Spiderman
Esse é o beco do famoso beijo de ponta-cabeça do Spiderman

Acho que esse tour vale muito a pena para quem realmente curte cinema, as histórias, as lendas e não tem preconceito com filme velho ou preto e branco. Por exemplo, quem assistiu Crepúsculo dos Deuses vai aproveitar o tour muito mais do que quem só assistiu Crepúsculo. É importante pontuar esse tipo de coisa, pra depois ninguém sentir que jogou o dinheiro fora. Modéstia à parte, eu acho que fui quem mais aproveitou a coisa toda no meu grande grupo de 4 pessoas. Não vimos nenhuma gravação e nenhuma celebridade, mas ficamos sabendo várias histórias de Lucille Ball, que foi proprietária da Paramount por um tempão. Recomendo muito esse tour para todos os fãs dela!

Escritório de Lucille Ball, na época em que era a chefona da Paramount.
Escritório de Lucille Ball, na época em que era a chefona da Paramount.
Ex-entrada do escritório do Desi Arnaz. A Lucy mandou cimentar depois do divórcio.
Ex-entrada do escritório do Desi Arnaz. A Lucy mandou cimentar depois do divórcio.

Essa pracinha, além de usada em algumas gravações era o local de descanso dos atores. Ao fundo, o antigo escritório de Katharine Hepburn.
Essa pracinha, além de usada em algumas gravações era o local de descanso dos atores. Ao fundo, o antigo escritório da Katharine Hepburn.

 

Warner

Quem mora aqui??? rs
Quem mora aqui??? rs

O tour da Warner é bem mais democrático, rs. No início você assiste um filme rápido mostrando os sucessos do estúdio e depois entra no carrinho com seu guia. A impressão que eu tive aqui é de que o roteiro do tour não é tão fechado. O tempo todo nossa guia recebia mensagens no rádio, informações das gravações que estavam ocorrendo e, principalmente das que NÃO estavam ocorrendo (sets livres!!). Me pareceu que ela ia montando o tour de acordo com essas informações.

A primeira parada é um pequeno galpão de exposição cuja temática eu acho que tinha um pouco a ver com transporte. Tinha o Ford Anglia do Sr. Weasley (Harry Potter e a Câmara Secreta), o Batmóvel usado pelo Michael Keaton, Mystery Machine do Scooby-Doo…

Enquanto todo mundo olhava o batmóvel... eu fiquei com vontade de ligar pro Chefe!
Enquanto todo mundo olhava o batmóvel… eu fiquei com vontade de ligar pro Chefe!
Groovy baby, yeah!
Groovy baby, yeah!

Depoi,s passamos por um depósito de props. Imaginem uma sala só de armários, uma outra só de lustres, uma de candelabros… Essas coisas todas ficam à disposição para uso em cenografia, é bem legal. No final dessa sala tem a parte mais famosa desse tour, o Central Perk. Eu bem sei que muita gente paga esse tour da Warner só para sentar nesse sofá!!
Os grandes fãs de Friends vão notar que o cenário não é assim tão fiel ao original. Eu explico: o seriado foi gravado num soundstage de verdade e, no final, todos os objetos utilizados no Central Perk foram transferidos para essa sala. Aliás, todos menos o violão da Phoebe, porque a Lisa Kudrow levou o original pra casa.

When it hasn't been your day, your week, your month, or even your year...
When it hasn’t been your day, your week, your month or even your year…

Depois do Central Perk, passamos em frente de vários soundstages e a guia ia nos falando o que havia sido gravado em cada um deles. Apesar de muitos desses filmes serem super importantes pra mim, não fez muita diferença, porque passamos só na porta do soundstage fechado. E no final tinha um mini-museu com muitos figurinos e um andar com muitos objetos usados nos filmes do Harry Potter. Dá até pra ser sorteado em uma das casas mas, como eu já sei que sou Ravenclaw, passei reto pelo sorteio.
Infelizmente não é permitido fotografar as melhores partes do tour. Então vocês vão ter que acreditar quando eu digo que andei muito pelos sets do The Mentalist e que sentei na platéia vazia do The Big Bang Theory. Aliás, foi enquanto observava esse cenário que percebi uma burrada muito grande que eu fiz. Perdi a oportunidade de assistir uma gravação de série da platéia! Mas isso já está no topo da minha bucket list na próxima viagem a LA. Afinal, é sempre bom ter motivo pra voltar!

 

Vai para Los Angeles? Pesquise no Booking mais de 350 opções de hospedagem na cidade!

 

Hooray for Hollywood!

Começo esse post desafiando você a encontrar um flagra da Marilyn Monroe descendo do carro sem calcinha. Ou da Jean Harlow pagando um peitinho sem querer. Ou aquele close na celulite de Bette Davis. Pois é. Acabou, pessoal. Não existe mais aquele glamour mítico em Hollywood, pelo menos não o mesmo de 1940. Eu escuto… Continue lendo…